Blog Multitempo

5 dicas para quem se está a habituar ao Teletrabalho

Apr 8, 2020 12:24:39 PM / by Micael Santos

Micael Santos

 

Teletrabalho Multitempo

Nas circunstâncias excecionais em que vivemos, uma grande fatia do mercado de trabalho viu-se forçada a desempenhar as suas funções remotamente.

Sabemos que, se por um lado o Teletrabalho representa uma grande mais valia, por dispensar algumas "barreiras logísticas" do trabalho presencial, por outro, pode ser difícil para os trabalhadores inseridos neste regime, principalmente numa fase inicial, desempenharem as suas funções de forma eficaz e manterem a sua produtividade, se estas não estiverem bem definidas e organizadas.

Não existe uma fórmula para que o Teletrabalho funcione na perfeição, mas existem boas práticas que podem ajudar na organização do dia a dia, na motivação e no aumento da produtividade.

Partilhamos, então, algumas dicas que achamos que podem fazer a diferença.

Estabelecer um espaço de trabalho

Trabalhar a partir de outro local que não o espaço comum pressupõe maior flexibilidade na forma como se trabalha. Por isso, especialmente para quem é recente nesta abordagem de trabalho, é importante testar várias formas de montar o espaço de trabalho e perceber o que funciona melhor.

Este método de trabalho não é apenas sentar-se num qualquer lugar, em frente a um computador, e desenvolver as tarefas diárias. É mais do que isso. Por exemplo, se se trabalhar a partir de casa, ir variando entre sala e quarto, se possível, e verificar onde se obtém maiores níveis de concentração e produtividade.

O espaço deve ser personalizado ao gosto e personalidade de cada um, assim como ter uma cadeira confortável. Também colocar no espaço de trabalho, por exemplo, algum detalhe que o torne único.

Criar limites de trabalho

Dado que o espaço de descanso ou de lazer passa a ser, também, um espaço de trabalho, é imprescindível estabelecer alguns limites. Trabalhar além das horas necessárias, neste contexto, pode levar a que facilmente nos sintamos cansados mais facilmente.

Por isso, definir horas de trabalho exatas pode ajudar. Assim, é essencial definir a que horas se começa a trabalhar, em que períodos se faz uma pausa e em que horas se encerra o dia de trabalho. E certificarmo-nos de que está mesmo terminado, pois é importante sentir-se a mudança de um estado de trabalho para um estado mais relaxado.

Não só se deve ter esta disciplina connosco, mas dá-la a conhecer aos mais próximos de nós, família e amigos, para que o trabalho não seja interrompido constantemente e se consiga tirar o melhor proveito do tempo de trabalho.

Notificações no telemóvel? Desligadas

O smartphone é cada vez mais uma constante na vida de cada um e já é possível fazer tudo através dele, sendo também uma ótima ferramenta de trabalho. Por isso, quando recebemos uma notificação, a tentação para ver do que se trata pode ser elevada, pelo que devemos disciplinarmo-nos a não o fazer.

Assim, é importante focarmo-nos, por exemplo, no laptop e não possibilitar que haja outras formas de distração ou onde possamos ter acesso a essas mesmas notificações.

Em contrapartida, depois do horário de trabalho, também se deve manter a mesma disciplina, mas em relação ao trabalho, isto é, desligando as notificações que estejam relacionadas com o trabalho.

Fazer uma lista de tarefas

Também num trabalho desenvolvido remotamente deve fazer-se uma lista de tarefas que se desejam cumprir no dia. Escrever as tarefas ajuda a pensar mais sobre elas e a determinar se são de caráter urgente ou se podem ser finalizadas noutro momento.

Existem várias aplicações que também ajudam a delinear as tarefas e colocá-las por relevância, sendo que esta lista também pode ser partilhada com outros membros da equipa de modo a todos saberem o nível de trabalho de cada um.

Outro aspeto a considerar é em que altura do dia é mais fácil desempenhar determinado tipo de tarefas. Por exemplo, para alguns será mais fácil desempenhar trabalho criativo de manhã, quando estão mais despertos, do que à tarde, em que o trabalho mais administrativo poderá ser uma boa opção.

Registar, registar, registar

Trabalhadores que estejam neste regime de trabalho devem registar tudo, ainda mais do que se estivessem num ambiente empresarial presencial. Isto deve-se ao facto de existir uma menor comunicação direta e, por isso, um maior risco de falhas de comunicação, principalmente entre os membros de uma equipa.

Tirando notas e deixando tudo documentado garante-se que todos estão em sintonia. Estas notas, contudo, não deverão ser mantidas apenas para a pessoa que as escreve. Isto porque é importante que todos estejam a par das tarefas que estão a ser executadas e perceber se existem dúvidas ou, até, sugestões a fazer.

Topics: Produtividade, Teletrabalho, Trabalho Remoto

Micael Santos

Written by Micael Santos

Assistente de Marketing do Grupo RHmais